O Que é Administração de Condomínio?
Administração de Condomínios

O Que é Administração de Condomínio?

Muitas pessoas comparam a administração de condomínio à gestão de uma empresa, afinal, é preciso lidar com questões administrativas, financeiras, de recursos humanos, etc.
O condomínio em si não deixa de ser uma empresa, pois é necessário gerenciar uma série de atividades para que o condomínio funcione da melhor forma possível.

Vale lembrar que, a administração de condomínio deve estar de acordo com o Código Civil, e seguir a Convenção e Regulamento Interno do condomínio.

Mas se você ainda está em dúvida como tudo isso acontece na prática, vamos explicar em mais detalhes o que é a administração de condomínios, quais são suas principais atribuições e muito mais.

O Que é Administração de Condomínio?
O Que é Administração de Condomínio?

O que é administração de condomínio: visão para o candidato

Se você é síndico ou está pensando em se candidatar, talvez esteja se perguntando o que é administração de condomínio.

De uma maneira bem simples: é a gestão administrativa, financeira e burocrática do condomínio.
Ou seja, lida com todas as questões que envolvem contabilidade, planejamento financeiro, gerenciamento de todas as tarefas, manutenção, contratação de funcionários, etc.

Além disso, cabe ao administrador do condomínio fazer com que a Convenção e Regulamento sejam respeitados, assim como tudo o que foi acordado em Assembleias.
Mas para que os resultados sejam alcançados, é essencial que os profissionais responsáveis pela administração sejam treinados e capacitados para tomar as decisões mais assertivas.

Veja também:

Conheça as funções de uma administração de condomínio

Para você entender como a administração funciona no dia a dia, veja suas principais funções:

  • Gestão financeira, administrativa e jurídica;
  • Organização de arquivos e documentos;
  • Auxiliar o síndico na tomada de decisões;
  • Prestar assessoria em assembleias;
  • Contratação de funcionários.

Essas são apenas algumas funções e se você comparar com gestão de uma empresa, é praticamente a mesma coisa.

Tenha em mente que o administrador terá que lidar com planejamento financeiro, redução de custos, gerenciamento de pessoal, toda a parte administrativa e burocrática do condomínio e muitas outras atribuições.

Por mais que um síndico possa ter essas competências, é difícil lidar com tudo isso sozinho, onde uma empresa especializada em administração de condomínios é uma ótima opção.
Isso garante o bom funcionamento do condomínio, o que se reflete no bem-estar dos moradores e dos funcionários.

O que avaliar na hora de contratar uma administradora de condomínio

É normal um sindico ficar em dúvida na hora de contratar uma administradora de condomínio, mas geralmente quem decide é o síndico juntamente com o Conselho.
E o que avaliar?

  • Se a administradora conta com uma equipe qualificada e experiente em administração de condomínio;
  • Quais os serviços oferecidos;
  • Como funciona o suporte;
  • Buscar informações em outros condomínios;
  • Se é certificada.

Esses são apenas alguns fatores a serem avaliados, mas o mais importante é escolher uma administradora que atenda às necessidades do condomínio como um todo, desde de seus funcionários até os moradores.

E uma boa administração requer a capacidade de uma tomada de decisões rápida e assertiva, pois geralmente é isso o que acontece em um condomínio.
Além disso, o síndico precisa certificar-se que recebe todo o suporte e a administradora precisa estar sempre alinhada com os resultados esperados pelo condomínio.

Similar Posts